live education

coisas de professor – educação e entretenimento

Mudanças na Educação – na ADD, no ECD, no EA, etc, etc, etc. É urgente mudar …

Posted by J L em Julho 5, 2009

A presidente do PSD prometeu hoje mudar os estatutos do aluno e da carreira docente, o sistema de avaliação dos professores e aliviar a carga burocrática a que estão sujeitos, caso vença as eleições legislativas.

Esses quatro compromissos farão parte do programa eleitoral social-democrata, anunciou Manuela Ferreira Leite, em declarações aos jornalistas, em Lisboa, a meio de uma reunião sobre educação enquadrada no Fórum Portugal de Verdade do PSD.

“No nosso programa não poderemos deixar de contemplar a alteração destes quatro aspectos que estão a paralisar o sistema, estão a torná-lo inviável, desmotivador da acção dos professores”, declarou.

Questionada sobre a acusação do PS de que o seu lema “política de verdade” levou “um forte abalo” com as suas declarações sobre a venda da rede fixa pelo Estado à Portugal Telecom (PT), a presidente do PSD respondeu que “noutro momento” comentará essa questão.

Na reunião de hoje, destinada a recolher contributos para o programa eleitoral do PSD na área da Educação, juntaram-se “desde pessoas ligadas a sindicatos, a associações de pais, professores do ensino superior e do ensino secundário” e a crítica ao estado da escola pública “é generalizada”, bem como a ideia de que não se pode reformar o sistema “contra os professores”, segundo relatou Manuela Ferreira Leite.

“Não se pode manter um sistema em relação ao qual, na generalidade, todos estão contra e que é um tipo de sistema em que todos devem estar envolvidos”, defendeu a presidente do PSD.

“Uma coisa é certa, vamos pôr em cima da mesa a modificação destes quatro aspectos: Estatuto do Aluno, avaliação dos professores, Estatuto da Carreira Docente e os aspectos de desburocratização”, reiterou, dizendo que “as propostas, em concreto, hão-de ser feitas com os agentes educativos”.

De acordo com a presidente do PSD, “os professores devem ser avaliados” e “nunca ninguém negou a necessidade de avaliação dos professores, nem sequer os próprios professores”.

“Agora, também já se viu que este sistema não serve para avaliar, só serviu para paralisar. Portanto, insistir nisso seria o chamado suicídio, que evidentemente julgo que ninguém defende”, acrescentou.

Quanto ao Estatuto do Aluno, “o problema é que com aquele estatuto o que acontece é que um aluno pode passar, transitar de ano, sem nunca ter sequer ido alguma vez à escola”, apontou.

Na opinião da presidente do PSD, “estes quatro anos foram quatro anos absolutamente perdidos em termos de reforma da Educação” e é preciso “lançar mão àquilo que é preciso fazer e não permitir que o sistema educativo se continue a deteriorar”.

02.07.2009 – 13h25 Lusa

Fonte: Público


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: